Extensão RD Station whatsapp: Aprenda a criar metas no Google Analytics!

extensão rd station whatsapp

Hoje, é possível considerar uma Extensão RD Station whatsapp como um dos aplicativos de bate-papo mais utilizados do Brasil.

Não à toa, muitas empresas utilizam botões de contato com redirecionamento direto para o app – o que pode ser feito através de uma plataforma de integração.

No entanto, nem sempre é tão simples obter relatórios precisos em relação às conversões desses widgets. 

Se você inseriu o botão do WhatsApp via RD Station… Este tutorial é para você!

Antes de tudo, tenha em mente que o botão funciona como uma espécie de formulário sem página de destino.  E por se tratar de um formulário onde é necessário enviar algumas variáveis, tais como nome e e-mail, criar um evento de clique no botão “enviar mensagem” não garante que esse lead de fato converteu. 

Isso porque muitos leads tendem a acioná-lo sem preencher os campos necessários. Nesse post,  trazemos a solução para que o seu Google Analytics contenha as mesmas conversões apontadas no RD Station no seu projeto de Inbound Marketing

Confira o passo a passo e veja como criar a meta de conversão no Google Analytics para o botão de WhatsApp da RD Station!


1 – Crie os acionadores

Entre na sua conta do Google Tag Manager 

Acesse a seção acionadores e crie 4 acionadores, sendo 3 destes com base em Click ID e 1 marcado como  trigger de acionadores:

Ao clicar em “Novo”, você seleciona “Todos os elementos” e mude para a opção: “Alguns cliques”. Em seguida, marque as alternativas “Click ID”  e “começa com” – conforme imagem abaixo: 


Os três acionadores de Clicks Id que você precisará criar são:

rd-phone_field


rd-text_field


rd-button-ko1isnr3

Ao criar o Click ID ”rd-button-ko1isnr3”, acesse o seu Gerenciador de Tags e confirme se essa é a mesma ID que aparecerá ao clicar no botão “enviar mensagem “ do WhatsApp:

Depois disso, clique em “iniciar conversa” com o botão direito do mouse e vá para o item inspecionar. Aqui, você poderá checar o ID.

2 – Crie o trigger – continuar edição daqui


Após clicar em “novo acionador”, você poderá escolher a opção “grupo de acionadores”. Assim, você avisa ao Tag Manager que ele só poderá acionar o evento se aquelas 3 condições ocorrerem. 

Por fim, selecione as 3 condições que apontamos anteriormente.

Na imagem a seguir, exibimos como ficará essa configuração:

Lembre-se de que este acionador só será disparado se você marcar o item “Todas as condições”.

3 – Crie uma Tag para o evento:

Acesse a aba de tags no gerenciador e clique em “novo”. Depois disso, selecione a propriedade do Google Analytics que você deseja e dê um título para o seu evento. 

Lembre-se de anotar o título escolhido. Isso é importante, tendo em vista que você deverá utilizá-lo no Google Analytics. 

Com o acionador desta tag, você usará o trigger que criou no passo 2.

Confirme se a tag está funcionando corretamente antes de passá-la para o Analytics.  Para realizar esta checagem, basta acessar o seu site através do Gerenciador de Tags. Por lá, simule a entrada de um lead por meio do botão do WhatsApp. 

Com isso dando certo, a sua janela do Tag Assistant ficará desta forma:

4 – Configure o evento no Google Analytics

No perfil do Google Analytics da sua empresa, logo na parte inferior, você encontrará uma engrenagem. Clique no logotipo dela e acesse o item “metas”, seguido pelo “nova meta”.


Selecione “meta de evento” e marque o mesmo título e categoria que você cadastrou dentro do GTM como “nome da ação”. Nesta parte, não é necessário adicionar rótulo em nenhuma das configurações.

Já basta marcar apenas categoria e ação, vide o explicado acima.

Ficou com alguma dúvida? Assista o tutorial e deixe o seu comentário!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *